Connect with us

Tecnologia

Samsung oferece cursos gratuitos de programação e eletrônica

A empresa sul-coreana oferece cursos de capacitação gratuitos desde 2017 e já conta com mais de 150 mil alunos inscritos

Publicado

em

Em parceria com o Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC), a fabricante Samsung está disponibilizando, por meio da plataforma Code IoT, até seis programas de ensino voltados à programação básica durante o período de isolamento social.

Entre os cursos estão: introdução à internet das coisas (IoT), aprendendo a programar, eletrônica básica, programação física com Arduino, desenvolvimento de aplicativos para celulares e construção de objetos inteligentes conectados.

Todos os cursos são gratuitos e os alunos podem escolher entre uma ou mais opções.

A iniciativa ainda garante certificados aos estudantes que concluírem as disciplinas com nota acima de 60%.

As inscrições podem ser feitas pelo site da Code IoT e estarão disponíveis até o fim das medidas de restrição de circulação em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Para quem já se matriculou, as aulas começam na próxima segunda-feira (18). 

Com duração de seis semanas, o programação inclui aulas teóricas e lições práticas. As quatro primeiras são dedicadas à apresentação de conteúdo, já nas duas últimas semanas, o aluno elabora um projeto final e desempenha a avaliação de forma colaborativa.

“Estamos comprometidos em garantir que a próxima geração esteja preparada para um futuro orientado pela tecnologia. Acreditamos no potencial para alcançar novos patamares de inovação e desenvolver soluções que mudam a sociedade. E este caminho se dá pela educação”, explica Isabel Costa, gerente de cidadania corporativa da Samsung Brasil.

Faça a sua inscrição, neste link

Via: Exame / Olhar Digital

Canal de tutoriais sobre diversas tecnologias web e informáticas.

Continue Lendo
Anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

17 de Maio: Dia Mundial da Internet

A grande preocupação nos últimos anos tem sido a cibersegurança e o contexto atual pode ressignificar experiência do uso da Internet e chamada de atenção para os desafios de suprir a escassez da área de TI

Publicado

em

Foto : reprodução / momentsbyallianz

Hoje, 17 de Maio, comemora-se o Dia Mundial da Internet.

A nossa publicação já vem tarde, mas não queríamos deixar passar despercebida esta data importante na era digital.

Hoje poderíamos falar sobre muitas coisas relacionadas ao surgimento da Internet e o que mudou desde o seu surgimento em nosso planeta, no entanto, a grande preocupação nos últimos anos tem a ver com a cibersegurança.

Segundo o site Tech Tudo, “o Dia Mundial da Internet é comemorado no dia 17 de maio e tem com o objetivo lembrar conquistas no setor e promover a inclusão digital. Porém, o evento como é hoje só foi estabelecido no ano de 2006 pela Organização das Nações Unidas (ONU). Há 150 anos, a data original era marcada pelo então Dia Internacional de Telecomunicações.”

“Em 17 de maio de 1865, vinte países se reuniram para discutir o crescimento do telégrafo, sistema que transmitia mensagens em longas distâncias de maneira rápida e confiável. O encontro buscava estabelecer acordos para expandir as redes e formar uma conexão internacional. Sendo assim, na data, foi criada a União Internacional de Telecomunicações (UIT), uma agência especializada da ONU.”, comenta o mesmo site.

“Com o passar dos anos e das revoluções tecnológicas, o Dia Mundial de Telecomunicações passou a ser acompanhado do Dia Mundial da Sociedade de Informação. A UIT começou a colaborar não só com a melhoria de infraestrutura de telecomunicações e com o crescimento da acessibilidade, mas também com um mundo conectado e informado.”, relata o site Tech Tudo.

“Porém, a maneira como transmitimos informações não parou de evoluir e, em 2006, em uma assembleia em Madri, na Espanha, a ONU estabeleceu também, na mesma data, o Dia Mundial da Internet, com o objetivo de promover a inclusão digital”, resume o mesmo site.

Telégrafo: sistema para transmitir mensagens de um ponto para outro em distância (Foto: Divulgação/ITU)

Vale lembrar algumas datas de acontecimentos importantes, relacionadas ao advento da Internet:

  • Em 1605, Francis Bacon desenvolve o Sistema Binário;
  • Em 1946 foi criado o Eniac, primeiro computador digital eletrônico;
  • Em 1962, Licklider lança o conceito de rede intergalática;
  • Em 1969 foi enviada a Primeira Mensagem Eletrônica: LOGIN. As letras L e I chegam e G não;
  • Em 1974 o termo Internet é usado pela primeira vez por Vinton Cerf;
  • Em 1978 é enviado o primeiro SPAM;
  • Em 1979 é criado o Emoticon;
  • Em 1991 é divulgado o WWW para universidades;
  • Em 1993 a Internet passa a ser comercial;
  • Em 1994 Pizza Hut recebe pedidos pela Internet;
  • Em 1998 surge o Google;
  • Em 1999 o Blogger começa a hospedar blogs
  • Em 1999 o First Internet Bank lança o Primeiro Serviço via rede;
  • Em 2000 o Bug apocalíptico que não aconteceu;
  • 2001 é a vez da Wikipedia;
  • 2005 você se vê no Youtube;
  • 2006, Facebook é de todos;
  • 2006, é lançado o Twitter e vira febre;
  • Em 2010, o Instagram foi lançado;
  • Em 2011 apareceu o Google+, para competir com a dominação do Facebook;
  • e continuamos contando essa história…

A História da Internet na Atualidade

A internet está absolutamente em todo lugar. Além dos computadores, a internet está em aparelhos celulares, dispositivos móveis, videogames, eletrodomésticos e até em relógios inteligentes.

Atualmente, são mais de 3,9 bilhões de usuários conectados à rede, mais da metade do total de pessoas do planeta. Em um único minuto, eles:

  • Enviam 6 bilhões de emails;
  • 41 milhões de mensagens no WhatsApp;
  • Fazem 3,8 milhões de pesquisas no Google;
  • Assistem a 4,5 milhões de vídeos no YouTube;
  • Acumulam 695 mil horas de conteúdos assistidos no Netflix

Além disso, plataformas de criação de conteúdo, como WordPress, têm ferramentas tão completas que possibilitam o desenvolvimento de projetos inteiros na rede. Eles podem ser um blog pessoal, um site profissional, um currículo online ou uma loja virtual.  

Cibersegurança

A PSP alertou hoje para o aumento dos crimes com recurso às novas tecnologias. Segundo a força policial, houve um acréscimo registado sobretudo durante os períodos do estado de emergência devido à COVID-19 em que houve um confinamento da população.

De acordo com um comunicado…

A PSP tem vindo a assinalar o forte incremento da criminalidade praticada com recurso às novas tecnologias, principalmente verificado durante a janela temporal de confinamento obrigatório vivenciado pela sociedade portuguesa entre de 22 de março e 02 de maio de 2020

A PSP revela ainda que, durante este período de confinamento, a criminalidade geral diminuiu  47% face ao período homólogo de 2019, mas a cibercriminalidade disparou. Segundo dados, as burlas na Internet tinham registado um crescimento de 33%, correspondendo a um acréscimo de 210 casos, em relação ao mesmo período de 2019.

A polícia sublinha que este tipo de criminalidade é muitas vezes dirigida ou atinge os menores de idade que, principalmente devido à atual situação, se encontram em contacto cada vez mais permanente e duradouro com dispositivos eletrónicos.

No Dia Mundial da Internet, a PSP relembra os pais que a supervisão presencial e o uso de ferramentas de controlo parental são essenciais para reduzir o risco de vitimização das crianças e jovens na navegação ‘online’, salientando que a generalidade dos dispositivos eletrónicos (televisores, consolas, computadores, ‘tablets’, etc) já dispõem ou permitem a instalação de aplicações de controlo parental.

A PSP acrescenta que “este tipo de controlo, principalmente no contexto de possibilidade permanente de acesso de crianças e adolescentes à Internet, poderá fazer a diferença e reduzir a possibilidade de vitimização”.

Com informações de Nações UnidasITU 150, PPlware, TechTudo

Continue Lendo

Tecnologia

Facebook apresenta “The New Facebook”. Ative o seu!

Na semana passada, 8 de Maio/2020, o Facebook apresentou o “The New Facebook” (o novo Facebook), que foi anunciado no F8 em 2019.

Publicado

em

Foto: fb

Para os usuários atentos, percebeu-se uma mudança no visual no Aplicativo do Facebook. E, chegou a vez da experiência na Web – no desktop, para o Facebook globalmente.

O novo Facebook é muito mais rápido, fácil de usar e permite “descansar” os olhos com o nvo Modo Escuro.

Conforme nota de apresentação do “The New Facebook”, o Facebook cresceu desde que foi lançado há 16 anos. “Criamos novos recursos, otimizados para novos dispositivos móveis e sistemas operacionais, e e expandimos para centenas de idiomas. Recentemente, nos concentramos na experiência móvel do Facebook e percebemos que nosso site para computador havia ficado para trás. As pessoas precisam disso para acompanhar.”

O “The New Facebook” é o resultado de “meses de pesquisas, conversas com pessoas sobre o que poderia melhorar na experiência da Web.” Agora, empolgados, o Facebook apresenta o novo site, “uma excelente nova base para as próximas décadas do Facebook.com”, conforme explica a equipe de desenvolvimento.

Encontre as coisas mais rapidamente

Agora ficou mais fácil encontrar o que procura com a nova navegação simplificada: nunca foi tão fácil encontrar vídeos, jogos e grupos, e a página inicial e as transições de página são carregadas mais rapidamente. É semelhante à nossa experiência nos dispositivos móveis.

Reduzir o brilho com o modo escuro

Desfrute de brilho mais baixo, juntamente com contraste e vibração, no modo escuro. Minimiza o brilho da tela para uso com pouca luz, onde você estiver.

O novo layout imersivo, juntamente com o Modo escuro, torna a visualização de vídeos no Watch uma ótima experiência.

Gerenciar páginas, grupos e eventos com facilidade

Crie facilmente Eventos, Páginas, Grupos e anúncios no Facebook. Visualize um novo grupo que você está iniciando em tempo real e veja como ele se parece no celular antes de criá-lo.

O novo Facebook.com é mais simples e fácil de usar, com os recursos que você conhece e adora.

Veja como ativar seu Novo Facebook:

  1. Acesse sua conta do Facebook
  2. No Menu superior direito, faça clique na “seta” para baixo e vai abrir uma aba com alguns itens do menu;
  3. Navegue para baixo e faça clique em “Mudar Para o Novo Facebook“. Se você não gostar do novo layout, você pode reverter a alteração, seguindo os mesmos passos e clicar em “Mudar para o Facebook Clássico“, uma opção que não sabemos até quando estará disponível, já que a intenção do Facebook é mudar para a nova interface.

Com informações do fb

Continue Lendo

Tecnologia

Netflix libera documentários grátis no YouTube

A Netflix liberou em sua conta no YouTube, diversos filmes e séries documentais originais para ajudar os alunos e professores a manterem o aprendizado em dia durante a pandemia do coronavírus.

Publicado

em

Muitos pais e professores precisaram se adaptar a uma nova rotina de ensino das crianças diante da quarentena. Assim, muitas companhias tem realizado esforços para facilitar a educação em casa.

A Netflix resolveu se juntar à causa, e acaba de liberar alguns de seus documentários gratuitamente, disponibilizando as produções no YouTube. A plataforma de streaming afirma que decidiu liberar o conteúdo após receber muitos pedidos de professores.

A lista é grande, e abrange episódios das séries Nosso Planeta, Explicando, Abstract: The Art of Design e Bebês em Foco, além dos documentários A 13 Emenda, Absorvendo o Tabu, Virando a Mesa do Poder, Os Capacetes Brancos e Zion. Cada vídeo possui detalhes da produção em sua descrição, além da faixa etária indicada.

“Fizemos uma seleção de nossos recursos e séries documentais disponíveis no canal da Netflix EUA no YouTube“, diz a empresa em comunicado. “Cada título também possui recursos educacionais disponíveis, que podem ser usados por alunos e professores“.

O áudio está disponível apenas em inglês, mas a companhia garantiu que legendas em diversos idiomas serão lançadas nos próximos dias. Os professores ainda podem acessar o site do Netflix para buscar por mais recursos educacionais relacionados a cada vídeo.

Apesar de terem sido liberados apenas na conta oficial do streaming nos Estados Unidos, eles estão liberados para todos os países. 

Informações de TudoCelular & Publicitários Criativos

Continue Lendo

Destaques