Casos de Covid-19 na África caem 20% - OMS

O número semanal de casos de Covid-19 na África "caiu consideravelmente" e o número de mortes também caiu, pela primeira vez desde o pico da quarta onda desencadeada pela variante Omicron, informou a Organização Mundial da Saúde em comunicado. 

"O declínio marca o fim do surto mais curto no continente, que durou 56 dias", disse o escritório regional da Organização Mundial da Saúde na África em comunicado após uma coletiva de imprensa semanal.


"O número de novos casos notificados caiu 20% em uma semana a partir de 16 de janeiro, enquanto o número de mortes caiu 8%", disse a organização da ONU.

De acordo com a OMS África, a África do Sul, onde a variante Omicron foi descoberta pela primeira vez, viu um declínio nos casos nas últimas quatro semanas.

Este pode provavelmente ser o início de uma declaração do diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, dizendo que "2022 deve ser o ano em que acabamos com a pandemia".

No entanto, os casos no norte da África continuam aumentando, relatando um aumento de 55%.

A diretora da OMS na África, Dra. Matshidiso Moeti, diz que "enquanto o vírus continuar a circular, as ondas futuras são inevitáveis".

O continente "deve não apenas aumentar a imunização, mas também obter acesso ampliado e equitativo a tratamentos essenciais" para o Covid-19, disse ela.

Embora haja uma diminuição de novos casos, a OMS diz que as taxas de vacinação permanecem baixas na África, com apenas 10% da população totalmente vacinada.

Fonte: africanews

Olhar Cabo Verde Portal de Informações sobre Cabo Verde. Aqui você conhece Cabo Verde e fica de olho em tudo o que acontece no arquipélago.

0 Comentário

Enviar um comentário

Iklan Atas Artikel

Iklan Tengah Artikel 1

Iklan Tengah Artikel 2

Iklan Bawah Artikel